• pt-br
  • en
  • es

135946231113594623113752738101_420x300

Tem menino que, ao fazer seu brinquedo, é feito passarinho quando aprende a voar, tem a vontade aguçada e as mãos persistentes. Não arreda do fazer até que se finde o que havia desejado. Tenta, erra, concerta, ajeita, apruma, refaz, põe até careta no rosto, língua de fora, para ajudar a dar certo, mas desistir jamais.

135946466813594646681602477285_420x300

Assim também como os passarinhos que cantam anunciando chuva, perigo ou mais uma manhã de sol, os meninos fazedores de coisas veem anunciar o quanto a mão instrui, o quanto vasculhar as entranhas das coisas devolve o tamanho de seu esforço e o peso e medida de seu empenho.

Ah, como são essenciais para esses meninos essas tardes dentro das garagens, oficinas e quintais, mergulhados em caixas de ferragens, entulhos e ferros velhos. Ali eles dão forma às próprias mãos e saem ganhando altura.

Aqui em Abadia há desses passarinhos, ou melhor, desses meninos de mãos esbanjadoras de vontade.

135946233113594623314387852915_420x300 (1)

135946255713594625578511137374_420x300

135946257413594625744023446837_420x300

135946258713594625874133107575_420x300

Muito antes de saber da importância do reaproveitamento de materiais, as crianças já fazem isso há séculos. Sabem que tudo, absolutamente tudo está disponível ao seu fazer, exercitam seus olhos atentos e suas mãos ávidas por materiais que pedem pelas mais diversas habilidades.

135946260413594626048278350877_420x300

135946262913594626291598785278_420x300

135946264913594626496408999318_420x300

Passarinhos e meninos ganham a liberdade de voo com as próprias mãos.

Texto e fotos: Renata Meirelles

11

 likes
Share this post:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Archives

> <
Jan Feb Mar Apr May Jun Jul Aug Sep Oct Nov Dec
Jan Feb Mar Apr May Jun Jul Aug Sep Oct Nov Dec
Jan Feb Mar Apr May Jun Jul Aug Sep Oct Nov Dec
Jan Feb Mar Apr May Jun Jul Aug Sep Oct Nov Dec