Conteúdo Principal
  • pt-br
  • en
  • es
Seção Artigo
section

Durante os anos de 2012 e 2013, o Território do Brincar contou com a parceria de seis filmagem Viverdeescolas que contribuíram para a realização desta iniciativa. Em cada nova comunidade, a equipe do Território do Brincar organizou material com vídeos, fotos e textos convidando os educadores a refletir e dialogar com as diferentes infâncias do nosso país. Estes debates possibilitaram olhares sensíveis para a infância e a educação. Neste exercício de olhar e escutar, a criança que brinca construindo carros, barcos, que brinca com a água, a terra, o ar e o fogo, que brinca de ser boi ou careta, o educador volta o seu olhar para a criança, também brincante, que está em nossas escolas. Durante estes dois anos esta diversidade trouxe questionamentos, diálogos e possibilidades que fizeram da parceria Território do Brincar e Escolas um lugar de escuta e sensibilidade para a criança.

 

 

logo-alana Foi exatamente isto: deixar brincar mais livre, prestar atenção na brincadeira, ver o que elas estão fazendo, quais as falas que saem nas brincadeiras…a gente conhece elas quando estão brincando, olhar o jeito de pegar uma boneca, escutar o que eles falam nas brincadeiras.”
oswald “Essa parceria foi nos mostrando de várias formas a criança que brinca dando assim uma força, fundamentando e autorizando que a criança dentro da escola também brinque. Mais brincadeira livre com natureza, com materiais pouco estruturados, com tempo para brincar!”
logo-casaamarela “Toda esta diversidade de infâncias que o Território do Brincar trouxe, modificou nosso olhar para o brincar. Faz a gente enxergar coisas não vistas diretamente, por exemplo, enxergar tudo o que tem por trás do gesto de uma criança.”
 sidarta “Eu acho que refinou ainda mais o nosso olhar para respeitar o tempo da criança. O olhar e a sensibilidade ao lidar com elas.”
 escola-vera-cruz “Os filmes são extremamente poéticos, a expressão da criança é extremamente genuína! O Território do Brincar alimentou o nosso olhar sensível e a escuta com as crianças.”  
 logo-viververde “De repente as crianças começaram a trazer canos de PVC e outros materiais deste tipo para construir brinquedos na escola. Isto veio do Território do Brincar que nos mostraram as crianças construindo seus brinquedos, carrinhos com latinhas e este tipo de material que traz possibilidades de construção…”

 

Palavras: 409