A Geografia dos Gestos Infantis

Esta produção é fruto de um percurso de 21 meses de viagem por uma vasta geografia de gestos de crianças das mais diversas realidades brasileiras, para encontrar caminhos por dentro de todos nós.

O longa metragem assume o brincar infantil como narrativa que sustenta uma história na íntegra. Os adultos ficam de fora das imagens desse filme, mas o espectador certamente se sentirá representado pelo potencial do brincar dessas crianças. Assumimos uma linguagem que não pretende ser didática ou ter a intenção de provocar discussões sobre o certo e o errado na educação, e confiamos na comunicação pela força sensível infantil.

Este filme é parte de um projeto de pesquisa, registro e difusão que integra diferentes produções culturais. Uma realização que entende o cinema como uma excelente porta para enxergar a mudança que se quer ver.

seja um exibidor do filme!

11902342_1094669870543498_8379254002164987577_n

É possível exibir o filme Território do Brincar por meio da plataforma VIDEOCAMP.

O VIDEOCAMP tem com missão reunir pessoas interessadas e filmes interessantes, capazes de, juntos, movimentar assuntos socialmente relevantes.

Sobre o funcionamento do VIDEOCAMP:

Para organizar uma exibição pública, basta cadastrar-se na plataforma VIDEOCAMP, acessar a página do longa-metragem Território do Brincar e clicar em “organize uma exibição”.

Após o preenchimento do formulário você receberá – em até 7 dias úteis – uma senha para acessar o filme na íntegra e realizar seu download.

Recomendamos que o filme seja solicitado com certa antecedência em relação à data prevista para exibição. Assim haverá tempo hábil para que o download seja realizado e o filme testado.

Adoraríamos conhecer as suas impressões sobre o filme e as manifestações da plateia! Não deixe de mandar o relatório solicitado pelo VIDEOCAMP!

 

Ficha Técnica

Uma Produção de Maria Farinha Filmes e Ludus Videos
Direção: David Reeks e Renata Meirelles
Produzido por: Estela Renner, Luana Lobo e Marcos Nisti
Produção Executiva: Juliana Borges
Direção de fotografia e câmera: David Reeks
Trilha Sonora Original: composta por Artur Andrés e interpretada pelo Grupo Uakti e convidados
Roteiro: Clara Peltier e Renata Meirelles
Argumento: David Reeks, Gandhy Piorski, Marcos Ferreira Santos, Renata Meirelles, Soraia Chung Saura.
Montagem: Marilia Moraes
Produção de Campo: Beatriz Olival, Daniela Yone Uechi, David Reeks, Fernanda Guimarães, Fernanda Valdivieso, Maria Fernanda dos Santos, Renata Meirelles e Tarcila Rigo.
Captação de áudio: David Reeks, Edvaldo Carneiro dos Reis, Fernanda Guimarães, Fernanda Valdivieso, Francisco Bahia Lopes, Hugo Bodanski, Marcos Gatinho, Maria Fernanda dos Santos.
Coordenação de Pós Produção: Geisa França
Finalização: Paola Baldi
Assistente de produção: Renata Romeu e André Botelho
Assistentes de edição: Bruno Decc, Arlen Tessuto e Maria Clara Pessoa
Assistente de finalização: Cristiane Caffaro e Daniela Bortman
Edição, Mixagem, Design de Som e Restauração de áudio:
Zoo Audio Productions
Dan Zimmerman

Gênero: documentário
Duração: 90 min
Ano de produção: 2015

Comunidades e municípios visitados
Abadia – MG, Acupe – BA, Aldeia Indígena Panará – PA, Alto Santa Maria – ES, Araçuaí – MG, Córrego da Velha de Baixo – MG, Costa da Lagoa – SC, Cururupu – MA, Entre Rios – MA, Jaguarão – RS, Oiteiros – MA, São Gonçalo do Rio das Pedras – MG, São Luiz – MA, São Paulo – SP.

DOWNLOAD DO PÔSTER